O inferno somos nós

 

O inferno somos nós é aquele livro que fez eu me arrepender de não ter lido antes. Temática perfeita para o momento que vivemos, principalmente nessa época de eleições.

Sobre o que é O inferno somos nós

O inferno somos nós é um livro do Leandro Karnal e a Monja Coen lançado em 2018 (vulgo esse ano). Ele foi o resultado de um encontro entre ambos no final do ano passado.

Portanto, cada capítulo do livro é escrito na forma de um diálogo. É como se você presenciasse a conversa entre os dois.

O tema central do livro é a cultura de paz. Sendo assim, eles iniciam falando sobre a violência e medo e vão desenvolvendo o discurso até chegarem a como é possível atingirmos essa tal de cultura de paz.

O que eu achei 

Por ter sido escrito na forma de um diálogo, o livro é muito fácil e rápido de se ler. Você sente como se estivesse presenciando o encontro dos dois e isso traz uma leveza para a leitura.

Sinceramente, eu não dava muito pelo livro. Comprei muito mais por causa do Leandro Karnal e porque queria ler algo dele. No entanto, a leitura foi uma excelente surpresa.

Eles discutem temas que estão muito atuais. Ainda mais nessa época de eleições. Eu comecei a lê-lo na sexta-feira antes do segundo turno. Acho que se eu o tivesse lido um tempo antes das eleições, teria passado por esse momento com a minha saúde emocional muito mais preservada.

Eles discutem assuntos como violência, disciplina, tolerância, respeito…

Mais do que vale a pena ler e fazer um exame de consciência em relação as nossas próprias ações.

Você já leu? O que achou?

[Vale a pena ler] O inferno somos nós

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *